Arquivado caso de assassinato de testemunha da lava jato que ocorreu em Candeias


Arquivado caso de assassinado de testemunha da lava jato que ocorreu em Candeias.

Foi arquivado nesta terça-feira, 22, o caso de assassinato de testemunha da lava jato que ocorreu no dia 18 de janeiro de 2018 no município de Candeias. Vieira foi morto com nove tiros na rodovia BA-522.

O crime aconteceu dois meses após o empresário depor na Polícia Federal e se tornar a principal testemunha das investigações que resultaram na prisão de José Antônio de Jesus, ex-gerente da Transpetro na Bahia. O caso foi arquivo ‘sem culpados’ pelo Polícia Civil da Bahia e o MP Estadual.