Conheça os benefícios medicinais da casca de cajueiro


Resultado de imagem para foto da casca de cajueiro

Árvore natural do norte e nordeste brasileiro, o cajueiro se divide entre o gigante e o anão. Enquanto um pode atingir até 20 metros se encontrar condições apropriadas, o outro não passará dos quatro metros de altura. Seu fruto, a castanha do caju, é muito apreciada e conhecida, tanto pelo seu sabor quanto pelas propriedades medicinais. Mas você sabia que, além da castanha, a casca de cajueiro também possui um grande poder de cura?

Benefícios medicinais da casca de cajueiro

 

1. Diabetes

casca de cajueiro possui antidiabético e suas gorduras monoinsaturadas protegem o coração e reduzem o nível de triglicerídeos, evitando doenças coronarianas e diabetes. Separe uma colher (chá) do pó da casca do caule do cajueiro e uma xícara de água.

Ferva tudo durante cinco minutos. Depois retire do fogo e deixe esfriar. Feito isso, passe o líquido por uma peneira ou pano limpo para coar. Tome esse chá duas vezes ao dia.

2. Cáries

Antisséptico natural, a casca de cajueiro possui um ácido chamado anacárdico, que combate as bactérias gram-positivas, causadoras das cáries dentárias. Sua ação adstringente ainda alivia o mal hálito e deixa os dentes mais brancos e saudáveis.

As ocasionais dores de dente também podem ser tratadas a partir dessa planta medicinal, graças ao seu poder analgésico. Corte as cascas em pedaços pequenos. Leve ao fogo com um litro de água e deixe ferver. Beba quatro vezes ao dia e faça gargarejos.

3. Cicatriz

A casca da árvore de caju ajuda na cicatrização da pele, seja ela causada por cortes ou outras feridas. Além de agir como cicatrizante, ela é adstringente, antisséptica e tônica, útil para retirar as células mortas de pele e fechar os poros, protegendo-a da sujeira.

Coloque para ferver uma colher e meia (sopa) da casca do caule do cajueiro com 150 ml de água. Após 10 minutos, desligue o fogo. Deixe esfriar e aplique compressas sobre a área da derme afetada de três a quatro vezes ao dia.

4. Prisão de ventre

Laxante, diurética e depurativa, a casca de cajueiro ajuda o seu organismo a funcionar normalmente, devolvendo o movimento ao seu trato digestivo. Enquanto isso, retira as substâncias tóxicas presentes por meio da urina, limpando o sangue.

Esse melhor funcionamento também pode ajudar você a perder peso. Prepare uma infusão com o pó da casca e água fervente. Beba três vezes ao dia, antes das principais refeições.

5. Hanseníase

Também conhecida como lepra, essa doença contagiosa afeta os nervos e causa grandes feridas na pele, que começam com manchas claras que podem se tornar avermelhadas e tirar a sensibilidade da derme. Vermicida, anticéptico, anti-inflamatório, adstringente e cicatrizante, o óleo extraído da casca de cajueiro pode ser usado como complemento ao tratamento médico. Essa resina possui um cheiro forte, e deve ser manuseado com cuidado, pois é corrosivo.

6. Garganta

Aftas, tosses com catarro, inflamações da garganta e males do aparelho respiratório em geral podem ser curados com um preparado da casca da árvore de caju. Anti-inflamatório, analgésico e expectorante, ele auxilia no processo de desinflamação ao mesmo tempo em que elimina o catarro e muco acumulados nos pulmões. Prepare o chá e faça gargarejos de três a quatro vezes ao dia.