Deputada Kátia quer atendimento de urgência e emergência para usuários do sistema do ferry boat


A deputada Kátia Oliveira, do MDB, apresentou na Casa Legislativa uma indicação endereçada a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba)  solicitando  que a Internacional Travessias Salvador S.A a instalação de duas bases operacionais fixas, com serviço de atendimento pré-hospitalar de urgência e emergência, para atender os usuários do sistema ferry boat nos terminais de São Joaquim e Bom Despacho.
NeuzaMenezes/AgênciaALBA

A Internacional Travessias é a empresa responsável pelo serviço ferry boat, tendo vencido licitação em 2014 para operar o sistema por 25 anos. Segundo a medebista, “há notórias falhas na assistência à saúde prestada por essa companhia aos passageiros que utilizam esse meio de transporte para o trabalho ou lazer”. A travessia marítima dura, em média, uma hora, “sendo necessário adequar os serviços de atendimento médico de urgência e emergência, a fim de evitar fatalidades”.

Para ela, é importante reforçar o serviço móvel que atua, a partir de lanchas, no atendimento em alto-mar, mas, também é essencial manter funcionando unidades fixas de atendimento pré-hospitalar de urgência e emergência nos terminais de São Joaquim e Bom Despacho, com a presença de médico, enfermeiro e técnico de enfermagem.