Escola de Dança de Simões Filho consegue viajar e participará de concurso no sul do país


Após apelo feito pelo Fala Simões Filho, os integrantes da Escola de Dança Maison Lilás chegaram em Santa Catarina, onde irão disputar no Festival de Dança de Joinville, durante esta semana. A companhia precisava levantar um valor em torno de R$ 9.400 reais, para custos com viagem, alimentação e hospedagem.

Grupo já está em Santa Catarina. (acervo pessoal)

Já acomodado em solo catarinense, desde a última terça-feira (16), o grupo se apresentará nos dias 17, 18, 19 e 20 de julho, concorrendo pela categoria de jazz. Alunos e professores da Maison Lilás devem retornar à Simões Filho na próxima semana, dia 23 de julho. Professores e alunos contaram com o apoio do prefeito Dinha Tolentino, alguns vereadores, além dos pais e mães que também contribuíram com as despesas.

Grupo já está em Santa Catarina. (acervo pessoal)

Recentemente alguns alunos participaram da temporada de 2018, do Bolshoi, inclusive já esteve em viagens para Fortaleza e Vitória da Conquista, onde levaram o primeiro lugar na na disputa, e agora está entre os selecionados a a participar desta oportunidade única para a dança, levando o nome de Simões Filho.

Espetáculo Moana, Um Mar de Aventuras, em 2017. (divulgação)

Desde 2005, o Festival de Dança de Joinville é considerado o maior do mundo, em número de participantes, , é também o único entre os grandes festivais mundiais a reunir uma grande diversidade de gêneros, como o balé clássico, balé clássico de repertório, contemporâneo, sapateado, danças populares, danças urbanas e o jazz, categoria ao qual o grupo concorre.

O Fala Simões Filho reforça a importância do incentivo à cultura e esporte dentro e fora do município, e envia energias positivas para que a escola retorne com grandes êxitos.