Kordsa volta a contratar em Camaçari


Atuante na produção de fios de poliéster, a Kordsa está com novas vagas de emprego para sua sede em Camaçari, na região metropolitana de Salvador. Conforme o departamento de recursos humanos, empresa está com duas oportunidades para técnico de elétrica/instrumentação.

Para concorrer, é necessário que o candidato possua -formação técnica completa e com diploma na área e conhecimentos em: siemens (S5 e S7); redes industriais PROFIBUS, PROFINET, ETHERNET; supervisório IFIX;  comandos elétricos; sensores de velocidade; sensores indutivos e em instrumentação (Temperatura, Pressão, Medidores de nível, controladores P + I + D).

O técnico em instrumentação atua execução de testes e procedimentos de manutenção preventiva e corretiva dos equipamentos industriais e instrumentos de medição, além de realizar o controle de diversas variáveis, tais como: pressão, temperatura, nível, corrente, tensão e vazão.

O instrumentador é um profissional indispensável dentro da indústria, principalmente quando o especialista deseja ter alguns resultados em suas máquinas, com a incrementação e o controle do produto, o fornecimento de dados, quantidade de produção e da economia dos processos, aumento da produção e do rendimento, simplificação de projetos de pesquisa e execução de funções de inspeção e ensaios com maior velocidade e eficiência.

Além de uma remuneração mensal atrativa e compatível, o colaborador efetivado também terá acesso a assistência médica, assistência odontológica, participação nos Lucros ou Resultados, programa de treinamentos refeitório, seguro de vida e vale-transporte

Como se candidatar a vaga da Kordsa

Aqueles interessados nesta oportunidade deverão acessar o site da empresa responsável pelo processo seletivo e cadastrar o currículo com informações atualizadas e contatos de telefone válidos, para agilizar o processo seletivo.

Sobre a empresa

Com sede em Camaçari/BA, a Kordsa Brasil foi inaugurada em 1973. Hoje é a empresa líder na produção de alta tenacidade de fio de poliéster com uma planta de 302.000 m2 e ocupa uma posição considerável na produção de nylon na América do Sul além de produzir fios de poliéster e tecido para pneumáticos.