Menina de 10 anos fica grávida após ser abusada pelo irmão de 15


menina
Imagem Ilustrativa

Uma menina de dez anos está grávida depois de ter sido abusada pelo seu irmão, de 15 anos. Ela deu entrada em um hospital pediátrico de Posadas, na Argentina, reclamando de fortes dores nas costas e no abdômen.

Os médicos, então, descobriram que a criança estava no oitavo mês de gestação. O hospital denunciou o caso ao juizado de menores, que está investigando o crime.

Por enquanto, o adolescente está sob a tutela de uma tia. Pelas leis locais, ele não pode ser preso.

A diretora da vara da Infância do Ministério do Desenvolvimento Social da Província, Ana María Pereira, afirmou que que o bebê será cuidado pela avó.

“Vamos tentar fortalecer esse vínculo para que o adulto seja responsável e a menina possa retomar sua vida escolar, conforme apropriado”, disse.

“Sou assistente social há anos e estou realmente impactada, porque se trata de uma criança muito pequena. É a mais nova que já tivemos de atender”,completou. As informações são do portal Bahia. ba

 

Gravidez na adolescência. Riscos e consequências

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a adolescência é o período da vida da pessoa que compreende entre os 10 e os 19 anos de idade. Em alguns casos a adolescência é interrompida quando a jovem engravida.

Uma em cada cinco mulheres no mundo tem já tem um filho antes dos 18 anos e a cada ano nascem 16 milhões de crianças filhas de mamães adolescentes. Nas regiões mais pobres do planeta o índice é maior: uma em cada três mulheres são mães na adolescência.

Segundo especialistas, a idade mais apropriada para ser mãe é entre os 20 e 35 anos, já que o risco para a saúde da mãe e da criança é muito menor. A gravidez na adolescência é considerada de alto risco e implica em mais complicações. A adolescente não está preparada nem física nem mentalmente para ter um bebê e assumir a responsabilidade da maternidade.

 

A gravidez na adolescência apresenta em muitos casos: 

– quadros de má nutrição, com carência de nutrientes essenciais para o bom desenvolvimento do bebê.

– um maior número de abortos espontâneos.

– partos prematuros. Muitos bebês de adolescentes nascem antes da 37ª semana de gestação.

– seus bebês têm um peso baixo, já que a imaturidade do seu corpo faz com que o seu útero não tenha se desenvolvido completamente.

– as mamães adolescentes têm filhos com mais problemas de saúde e transtornos de desenvolvimento.

– nos casos de gravidezes de meninas com menos de 15 anos, o bebê têm mais possibilidades de nascer com más formações.