Prefeito de Simões Filho aponta queda na dívida milionária do município


Em discurso forte e com dados consolidados, prefeito de Simões Filho, cidade da Região Metropolitana (RMS), Dinha Tolentino, destacou queda de R$ 100 milhões na dívida do município e apresentou conquistas.
O discurso aconteceu na manhã desta terça-feira (19), na abertura dos trabalhos legislativos, da Câmara de Vereadores, que marca o biênio 2019/2020, que tem como novo presidente, Orlando de Amadeu.
“O nosso compromisso é com o povo e a nossa administração é transparente. No próximo ano, nós vamos apresentar as nossas metas, aquelas que foram registradas por nós e que seguimos trabalhando para cumprir. Estamos quitando a dúvida e possibilitando novas conquistas”, disse.
A dívida foi deixada pelos antigos gestores e em projeção comportamental, levando em consideração os índices anuais, Dinha apresentou projeção, na qual indica que em 2018, a dívida teria chegado a 428,9 milhões.
“Se não tivéssemos compromisso com a cidade, chegaríamos a essa dívida absurda, mas esse não é o legado, negativo, que queremos deixar para o nosso povo. A dívida tem caído e, em dois anos, já pagamos 100 milhões. Seguimos executando obras em toda cidade”, destacou.
Entre as ações já entregues à população, estão: obras de infraestrutura, com obras de urbanização e requalificação, a exemplo da Via Universitária, KM 25, Luis Eduardo Magalhães (Barreiro), Unidade Básica de Saúde (UBS), Via Universitária, reforma e manutenção das unidades de ensino, entre outras.