Simões Filho está de luto: morre líder comunitária dona Gracinha ao 56 anos


Faleceu na tarde desta quinta-feira (11/07), aos 56 anos, a líder comunitária e voluntária do bairro São Conrado, na região da Pitanguinha, Maria das Graças Santos Brito, conhecida cariosamente pela população de Simões Filho como “Dona Gracinha”.

De acordo com as informações divulgadas pelo site rede Imprensa, Dona Gracinha usava a sua principal riqueza, o “dom do amor”, para contribuir na vida das pessoas e dos mais carentes. No dia 17 de julho, ela completaria 57 anos.

Dona Gracinha levava consigo um dos principais mandamentos de Deus, amor ao próximo e por isso fazia diversos trabalhos sociais. Seu amor e o olhar ao próximo a levou a incentivar e influenciar diversas pessoas da comunidade de que para “todas as causas, juntos somos mais fortes”. Diversas campanhas, Natal Solidário, Festa das Crianças, a Páscoa para os pequenos, entre tantas outras ações, se destacaram na comunidade com a iniciativa desta grande mulher.

Ela estava internada, prestes a fazer uma cirurgia, mas na tarde de hoje, Deus a recolheu para os seus braços. Dona Gracinha deixa filhos, netos e uma comunidade em luto.

Moradora do bairro a mais de 40 anos, Gracinha estava com saúde abalada, mas isso não lhe tirava as forças de fazer bem ao seu próximo. Ela sempre tirava um tempinho para realizar trabalhos em prol de contribuir na vida das pessoas, esses atos foram pedrinhas preciosas para a sua coroa de uma verdadeira ‘RAINHA’ como a mesma foi considerada para muitos.

Em março, Dona Gracinha viveu um momento muito especial na sua vida. Ela foi agraciada com a Medalha Noêmia Meireles Ramos, uma homenagem da Câmara de Vereadores de Simões Filho, sendo a sua indicação outorgada pelo vereador Everaldo Silva, popular, “Vel”.

A reportagem do Fala Simões Filho se expressa com profundo pesar e consternação e devota que o amparo, a acolhida e o conforto de Deus, manifestem a todos familiares e amigos de dona Gracinha.

Sepultamento

O velório acontece em um galpão em frente ao Denis Bar ao lado do Condomínio na Pitanguinha, próximo à Cova da Gia. Às 10h sairá um ônibus do local do velório e outro da comunidade do Cobocó.O sepultamento vai acontecer às 10h30 no Cemitério São Miguel, localizado no bairro Ponto Parada em Simões Filho.

Com informações do Rede Imprensa